Você conhece a história do Clash Club?

Você conhece a história do Clash Club?

O clube, fundado em 2007, está em seu oitavo ano de funcionamento porém seu embrião vem lá do começo dos anos 2000, com a primeira edição da então rave Circuito, organizada pelos fundadores do clube.

Em outubro de 2006, a Circuito completou 5 anos lançando um documentário que contaria a história dessa jornada de extrema inovação cultural, muito amor e muita loucura. São 90 minutos de registros do microcosmo pra lá de especial que se criou nessa aventura, algo que não se vive mais, não dessa forma, e que deixou indescritível saudades em cada um que por ali passou. As lendárias Circuito Techno trouxeram, alguns pela primeira vez no país, praticamente todos os nomes da elite do techno mundial, como Umek, Chris Liebing, Valentino Kanzyani, DJ Rush, David Carretta, Speedy J, Adam Beyer, Laurent Garnier, Marco Carola, Sven Vath, Green Velvet e Richie Hawtin, entre tantos outros. Cada festa era uma experiência absolutamente inesquecível.

Com o sucesso da Circuito, veio o Clash Club, um local fixo onde as festas poderiam acontecer com mais e mais frequência, era a realização do sonho de construir uma casa para o que então era uma rave itinerante.

Inaugurado em fevereiro de 2007, o Clash Club abre suas portas com programação focada nas vertentes do eletrônico, do hip hop e shows intimistas dos mais variados estilos musicais.

Localizado em um antigo galpão da década de 30 no bairro da Barra Funda, o local ocupado pelo Clash Club foi totalmente reformado e dividido em quatro espaços principais: pista, camarote, mezanino e área externa, atualmente com funcionamento regular às quintas, sextas, sábados e aberturas especiais diversas.

O ambiente possui decoração de contrastes, mesclando seu ar industrial original com iluminação de LED digital de última tecnologia criando um contexto voltado para a pista de dança e a experiência musical.

Pioneiro na região da Barra Funda, que cresce cada vez mais em entretenimento e arte, o Clash Club se firmou pela qualidade da programação com grandes atrações nacionais e internacionais de música eletrônica, rock e hip hop, figurando constantemente em premiações e listas dos melhores clubes do Brasil e do mundo.

Depois de 8 anos, a característica mais admirável do Clash Club é sua maneira de se adaptar as gerações e mudanças da cena de São Paulo se mantendo no circuito e apresentando novas experiências e festas incríveis que agradam todos os gostos, recebendo artistas que vão desde Dimitri Vegas & Like Mike em uma noite surpresa a Marcelo D2 ou Chorão com sua banda Charlie Brown Jr. lançando seu filme O Magnata, de 2007.

Essa capacidade de ir do mainstream ao underground está diretamente ligada ao público que cada vez mais se permite experimentar diferentes estilos, gêneros e vertentes, enquanto o clube busca criar a melhor experiência para cada festa, independente de estilos.

Mantendo força total depois de tantos anos, a programação das próximas semanas apresenta nomes consagrados do techno como Format:B e Marco Bailey, a estreia de Mano Brown junto com a rapper Flora Matos, além dos artistas internacionais Quintino, Crookers e Headhunterz em setembro.

A história do Clash continua… Todas as constantes melhorias têm como objetivo atinigir a marca dos 10 anos de clube oferecendo a melhor experiência para o público.

Agora, mais do que nunca, nos vemos na pista do Clash!